Música no Facebook e os seus direitos

Foi anunciado em setembro que o Facebook estava selecionando profissionais para assumir o cargo de Director of Global Music Rights (Diretor de Direitos Musicais / Diretor de Direitos Autorais), um sinal claro de que a gigante rede social tem como objetivo reforçar suas relações com a indústria do entretenimento.

Agora surge outra pista! O site Music Business Worldwide publicou recentemente que Mark Zuckerberg contratou um novo Gerente de Produtos, mas dessa vez com funções relacionadas a música (divulgação da vaga no Facebook).

O candidato selecionado será responsável pela estratégia e execução dos direitos autorais para os criadores de músicas e vídeos no Facebook. Fato curioso foi a exigência que o interessado deveria ter familiaridade com ID de conteúdo do YouTube (na caruda mesmo).

O texto do MBW cita ainda que o anúncio foi publicado discretamente no site do Facebook um mês depois dos relatos da Universal Music, onde a empresa solicita constantemente a remoção de covers feitos por músicos no Facebook.

Em maio deste ano, o Facebook licenciou junto a Warner Music o produto chamado Slideshow, que permite aos usuários inserir trilhas sonoras nos álbuns de fotos ou vídeos criados na plataforma, da mesma que já é feito no Youtube.

Fonte: Music Business Worldwide

Surge a cada dia novos indicadores que o Facebook esta realmente preocupado, ou interessado, com a questão dos direitos autoriais, muito em breve serão lançados novos apps dentro da plataforma para monetização de streamings de música e vídeo, da mesma forma que já acontece com o Slideshow.

Meu amigo o jeito é não perder mais tempo… a melhor forma de se preparar e garantir os direitos de execução é criando uma estratégia para as mídias sociais. Registrar sua obra ou fonograma é a primeira etapa, através dos links ao lado você pode pesquisar mais sobre o assunto: Abramus, ISRC, ECAD, CB Baby.