Minha Casa, Minha Mídia: SITE

Salve salve!!!

Para que você não saia gastando o seu suado cachê em ferramentas caras ou se cadastre em diversas plataformas pelo simples fato de serem “gratuitas”, vou postar uma série de artigos com dicas interessantes para que você possa criar uma presença digital planejada e com baixos investimentos.

Para alcançar os resultados através da internet antes de mais nada faça as seguintes perguntas:

  • Qual é o meu objetivo?
  • De qual forma e como alcanço o meu público?
  • Ou, os meus fãs conseguem me encontrar facilmente na internet?

No primeiro momento é difícil ter as respostas na “ponta da língua”, mas para que algo comece a ter sentido com toda certeza será necessário:

  • Visibilidade
  • Relacionamento
  • Divulgação
  • Engajamento

É neste momento que o trocadilho cai bem: Minha Casa, Minha Mídia

ASSUNTO : SITE

A importância de ter um site é algo inquestionável, levando em consideração que é uma mídia “particular” onde pode ser usada da forma que você bem entender, além de criar presença através de um web site é possível criar relacionamento com os fãs, sem restrições ou limitações.

Não preciso de um site, tenho uma fanpage e o meu projeto vai muito bem obrigado.

Sem dúvida, diversos artistas possuem projetos de sucesso dentro das redes sociais, muitos deles somente dentro das redes sociais, aí que mora o perigo. Vale lembrar que alguns anos atrás o Orkut era a maior rede social na internet, depois do crescimento do Twitter, Youtube e Facebook, houve a migração em massa dos usuários e com isso o Orkut foi parar na beira do precipício, e junto dele muitos projetos foram extintos e outros perderam relevância na internet.

Atualmente muitos artistas estão passando por um experiência parecida, o Soundcloud (plataforma para compartilhamento de arquivos de áudio) esta deletando contas inteiras por violação de direitos autorais (pelo menos é isso que o SC tem afirmado), algumas vezes sem motivo. Então é bom ficar atento e procurar outras alternativas, porque não ter a sua própria mídia?

Ok, mas um site tem um custo alto, por isso uso as redes sociais.

Ter um site na internet gratuitamente é possível, mas os recursos que algumas empresas disponibilizam são beeem limitados, não vou entrar em detalhes sobre os serviços gratuitos pois dependendo da situação ao invés de ajudar pode ser um problema. Vamos usar a lógica que para se ter um algo bom é necessário investir, mas o nosso objetivo aqui é trabalhar com um investimento baixo, vamos lá!

CRIE UM SITE POR R$ 12,49

Parece vender gato por lebre né? Mas ao longo desse artigo você vai entender como isso é possível.

1) DOMÍNIO

Este será o seu endereço na internet, www.oseunome.com.br, domínios nacionais como .COM.BR, .COM.NET, custam em torno de R$ 30,00. Já os internacionais .COM, .NET, .CO, variam entre R$ 35,00 a R$ 60,00.

A escolha da extensão do domínio vai da sua necessidade, se pretende ter exclusividade da marca registre os que achar mais adequado. O registro é simples, pode ser feito ao contratar um serviço de hospedagem (tópico abaixo) ou diretamente nos sites: www.registro.br (domínios nacionais) ou www.register.com (domínios internacionais).

2) HOSPEDAGEM

Seu terreno, sua área… espaço na internet para guardar arquivos (músicas, letras, fotos, vídeos…) de forma organizada, com a possibilidade de criar contas de e-mails profissionais, substituindo os serviços como HotMail, Outlook, GMail, Yahoo. Não que esses serviços não sejam bons, mas não são tão atrativos visualmente. Com o domínio cadastrado dentro da hospedagem você pode criar endereços eletrônicos mais compatíveis com o seu trabalho: contato@oseunome.com.br, reforçando a exposição da sua marca na internet.

Alguns serviços oferecem planos a partir de R$ 9.99 por mês (algumas empresas nacionais: HostGator, Locaweb, KingHost).

3) SITE

Sua casa, sua sede… creio este é ponto que muitos entendem como o mais complicado e caro, na verdade não é. Vou citar uma opção gratuita e eficiente: o WordPress é uma plataforma criada inicialmente para que qualquer usuário pudesse ter um espaço para postar conteúdo (blog), ao longo dos anos muitas melhorias foram feitas e hoje é uma das ferramentas mais usadas no mundo (muitas agências utilizam o WordPress como gerenciador de conteúdo para websites).

Ao contrário que muitos pensam é uma ferramenta intuitiva e de fácil instalação, muitas empresas de hospedagem disponibilizam o instalador diretamente no painel de controle, além de diversos temas free (tema = layout do site) já adaptados para tablet e mobile, com um pouco de conhecimento você pode ir além dos temas pré-definidos, é possível personalizar e deixar com a cara do seu projeto.

Alguns temas legais disponíveis no site oficial:

Além dos temas o WordPress disponibiliza diversos plugins gratuitos que ajudam a melhorar estrutura do seu web site, como:

  • Aplicativos para integração com as redes sociais;
  • Compartilhamento de conteúdo;
  • Players;
  • Cadastramento de fãs;
  • Galeria de Fotos
  • Formulários para Contato
  • Slides
  • Ferramentas para Promoção
  • Otimização
  • entre outros.

Bom, neste primeiro artigo para a construção da sua presença digital vimos que ter um site é algo de extrema importância, não sai caro e não é tão difícil assim:

  • R$ 30,00 anuidade do seu domínio
  • R$ 9,99 mensalidade de uma hospedagem razoável
  • R$ 0,00 um site básico
    ———————————————————————-
  • Investimento mensal de R$ 12,49

IMPORTANTE!

A ideia não é tirar o mérito dos web designers, desenvolvedores ou das agências, mas mostrar que qualquer usuário pode ter um bom site com custo baixo. Ao longo do tempo e com o crescimento do trabalho você irá notar a necessidade de ter algo mais elaborado que foge do seu conhecimento ou da sua falta de tempo, neste momento você saberá quem procurar 😉

Deixe abaixo a sua opinião sobre esse artigo! Até+